Material para aula com Mapas Conceituais

mindmap-2123973_960_720

Mapas Conceituais são recursos que oportunizam atividades baseadas em aprendizagem significativa. Ajudam a reorganizar o pensamento, estimulam a criatividade e mobilizam saberes de modos não lineares.

Vídeos

Uso de Mapas Conceituais como Ferramenta de Aprendizagem do curso de Especialização em Informática na Educação – CEAD/IFES.

Assista a aula de Psicologia da Aprendizagem – O que são mapas conceituais

Entenda as diferenças entre mapas mentais e mapas conceituais

Saiba mais sobre mapas conceituais: 

Revista Nova Escola: David Ausubel e a aprendizagem significativa

Artigo: Mapas conceituais e aprendizagem significativa – Marco Antonio Moreira

Tutorial sobre CMapTools: http://penta3.ufrgs.br/tutoriais/Tutoria-CmapToolsV5/conteudo.htm

Sobre Mapas Conceituais: http://pt.wikipedia.org/wiki/Mapa_conceitual

Sobre Mapas Mentais:http://pt.wikipedia.org/wiki/Mapa_mental

Possibilidades de Mapas Conceituais

Os Mapas Conceituais são representações gráficas que possibilitam a organização de conceitos com uma rede de proposições. Temos uma diversidade de Softwares e Sites que permitem a elaboração de Mapas Conceituais. Contudo, os Mapas Conceituais podem ser elaborados no papel, como no exemplo que segue. É importante você identificar qual modo você se identifica e produz melhor.


10661771_10204683284944850_7115218500574853900_o
Mapa Conceitual feito em aula, pelos alunos do Programa Especial de Graduação para a Educação Profissional.

Sugestão de recursos para elaboração de mapas:

Mindomo

Site: https://www.mindomo.com/

CmapTools

O CmapTools é um software que permite o mapeamento de conceitos, permitindo a elaboração de mapas conceituais. O software foi desenvolvido pelo Institute for Human Machine Cognition da University of West Florida, com a supervisão do Dr. Alberto J. Cañas (CABRAL, 2003). O CmapTools é uma entre muitas outras possibilidades de softwares para criação de mapas conceituais, tais como: Nestor, Mindmanager, Mindmeister, Mindomo, entre outros. Segundo Miranda e  Morais (2003, p. 3102):

O CmapTools é uma ferramenta fácil de usar, com um simples clique obtém-se a representação de um conceito e com as operações de “arrastar e soltar” obtêm-se as ligações entre os conceitos. Ainda, com estas operações é possível fazer alterações, mudando o aspecto visual do mapa conceptual, alterando a estrutura, acrescentando ou eliminando relações ou criando ligações cruzadas.

O software é intuitivo e oferece recursos gráficos que facilitam a criação de mapas individuais e em grupo. O CmapTools, entre as suas funcionalidades: “[…] permite ao usuário fazer links com fontes (fotos, imagens, gráficos, vídeos, mapas, tabelas, textos, páginas de internet ou outros mapas conceituais) localizadas em qualquer parte da internet ou em arquivos pessoais a conceitos […] (NOVAK, CAÑAS, 2010, p. 17).

A seguir, pode-se visualizar, uma síntese dos fundamentos teóricos que orienta o uso de mapas conceituais buscando promover a aprendizagem significativa, a partir desconsiderando o pensamento de Ausubel e Novak.

Untitled 1.png
Figura 1. Qual é o quadro teórico que orienta o uso de mapas conceituais para promover a aprendizagem significativa? Legenda: teoria de Ausubel (caixas brancas) e teoria de Novak (caixas brancas sombreadas). Fonte: Cicuto (2013).

O CmapTools permite um estudo que mobiliza os saberes dos estudantes e reorganiza os processos de leitura e estudo para a elaboração dos mapas conceituais. O programa apresenta uma interface amigável, de fácil navegação e compartilhamento das atividades realizadas.

Exemplo de uma atividade para aplicação do software:

Ao considerar que “a criação do método de elaboração de mapas conceituais para registrar a compreensão individual gera novas oportunidades para estudar o processo de aprendizado e criação de novos conhecimentos” (NOVAK, CAÑAS, 2010, p. 15).

A atividade proposta para elaboração da atividade foi desenvolvida na disciplina de Currículo: Teoria e História do Curso de Pedagogia a Distância da Universidade Federal de Santa Maria, especificamente na Unidade II, descrita a seguir:que pode ser visualizada a seguir:

Untitled 5.png

Apresentação da atividade:

Untitled 3.png

A atividade desta unidade consiste na elaboração de uma mapa conceitual acerca do texto: Currículo e Desenvolvimento Humano.

A atividade pode ser realizada em dupla ou individual.

Para realizar o mapa conceitual faça uso do material selecionado:

https://vanessanogueira.wordpress.com/2016/12/13/material-para-aula-sobre-mapas-conceituais/

O mapa pode ser realizado utilizando um programa de computador como CmapTools  ou outro de sua preferência.

A entrega da atividade vai ser no fórum, assim podemos compartilhar o trabalho com os colegas.

Exemplos das atividades realizadas:

Untitled 1.png

Referências:

AUSUBEL, David P. Aquisição e retenção de conhecimentos: uma perspectiva cognitiva. Lisboa: Plátano, v. 1, 2003.

AUSUBEL, David P. A aprendizagem significativa. São Paulo: Moraes, 1982.

NOVAK, Joseph D.; CAÑAS, Alberto J. A teoria subjacente aos mapas conceituais e como elaborá-los e usá-los. Práxis Educativa, v. 5, n. 1, p. 9-29, 2010.

CABRAL, Anderson Ricardo Yanzer. Como criar mapas conceituais utilizando o CmapTools Versão 3. x. Guaíba (RS).: Universidade Luterana do Brasil, 2003.

DUTRA, Ítalo Modesto; FAGUNDES, Léa da Cruz; CAÑAS, Alberto J. Uma proposta de uso dos mapas conceituais para um paradigma construtivista da formação de professores a distância. Porto Alegre: UFRGS, 2004.

MIRANDA, Luísa; MORAIS, Carlos. Mapas conceptuais como estratégia de ensino e aprendizagem. In: Actas do X Congresso Galego-Português de Psicopedagogia. Universidade do Minho, 2009. p. 3101-3110.

CICUTO, Camila Aparecida Tolentino et al. Estruturas hierárquicas inapropriadas ou limitadas em mapas conceituais: um ponto de partida para promover a aprendizagem significativa. Aprendizagem Significativa em Revista, v. 3, n. 1, p. 1-11, 2013.

Fonte das imagens: https://pixabay.com/

5 comentários

  1. O material disponibilizado foi de grande utilidade, o vídeo: por que mapas conceituai não são esquemas sintetizou bem as diferenças. Obrigada.

  2. Excelente material, as dicas ajudam muito pra orientar a organização com utilização de mapas conceituais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s